Notícias

FCF e Direção Geral dos Desportos assinam contrato de financiamento


14 Jun 2019 Desporto

Mil e quinhentos contos é o montante que a Direcção Geral dos Desportos disponibiliza à Federação Cabo-verdiana de Futebol para apoiar na realização da Taça Independência.

Ontem, na Cidade da Praia, a DGD assinou com a Federação Cabo-verdiana de futebol um acordo para a disponibilização da verba. Um montante que até é superior ao valor disponibilizado em anos anteriores, realça Anildo Santos.

Um acréscimo que, ainda assim, fica longe de cobrir todas as despesas com a realização do Interilhas. É o próprio Mário Semedo, presidente da Federação Cabo-verdiana de Futebol, a realçar isso. Por isso espera que haja outras contribuições.

A comparticipação da Federação Cabo-verdiana de Futebol será na ordem dos 30%.

Feitas as contas, mesmo com os valores da FCF e da DCG, fica a faltar ainda metade do orçamento por cobrir. A Federação está, no entanto, optimista. Mário Semedo acredita que os parceiros irão responder de forma positiva e que no dia 05 de Julho o Interilhas vai começar sem sobressaltos.

Falta menos de um mês, 24 dias para ser mais preciso, para o inicio da Taça Independência. Apesar das dificuldades ligadas ao financiamento, Mário Semedo põe de parte a possibilidade de o Torneio não se realizar.

Uma das preocupações com a realização do Interilhas em São Nicolau prende-se com a capacidade da ilha em termos de alojamento. A Federação envia neste fim-de-semana uma missão técnica à ilha para avaliar as condições.

Arranque do Interilhas esta marcada para sexta-feira, 05 de Julho, Dia da Independência Nacional. O torneio decorre durante 12 dias, até 17 de Junho. No grupo A, estão as ilhas de São Nicolau, Santo Antão, Sal, Fogo e Brava. No Grupo B, São Vicente, Santiago, Boa Vista e o combinado vindo da Diáspora.


Reportagem RCV


pub

Vídeos Relacionados

Comentários

pub

Pesquisar