Notícias

A lei do grogue entra hoje em vigor


12 Ago 2015 Economia


O que pressupõe uma série de medidas para salvaguardar o ADN da aguardente cabo-verdiana, que tem todas as condições para se impôr como marca de referência no mercado internacional.


A tutela já começou a inventariar, pelo menos em Santo Antão e Santiago, as unidades produtoras de aguardente. Com a entrada em vigor desta lei, todos os produtores serão cadastrados e receberão o licenciamento competente diz a ministra do turismo Leonesa Fortes.

Produzido há mais de 400 anos, o grogue é um produto exclusivamente feito com base na cana sacarina. A lei do grogue promete devolver o valor original do produto no mercado, ganhar a confiança dos consumidores e abrir novas perspetivas para a economia das ilhas produtoras.

Para assinalar a entrada em vigor da legislação que regula a produção da aguardente de cana sacarina em Cabo Verde os produtores e agricultores, em Afonso Martinho na Ribeira Grande, Santo Antão juntam-se, num convívio, com as autoridades locais e a Ministra do Turismo, Investimentos e Desenvolvimento Empresarial.

Às dez da manhã num acto simbólico os alambiques vão ser selados, marcando assim o período entre safra, ou seja, o início do intervalo de produção que é de seis meses.

Findo esse período a aguardente só será produzida com cana sacarina, um processo que deverá respeitar os parâmetros de higiene e qualidade.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar






Publicidade