Notícias

Estado paga duzentos milhões de escudos às familias expropriadas das ZDTI Boavista


Olavo Correia - Ministro das Finanças
16 Dez 2016 Economia


O Estado de Cabo Verde vai disponibilizar duzentos e dois milhoes de escudos, a título de indemnização, às 28 familias da ilha da Boavista com título de posse, no caso de expropriação dos terrenos das ZDTI


O acordo que cela o compromisso de imediato pagamento foi assinado num acto público entre o Estado, representado pelo ministério das finanças através da diretora do patrimonio e ocntratação pública, e o advogado das familias, Geraldo Almeida.
 
Para o ministro das finanças esse é um primeiro passo na reposição da justiça de um caso que se arrasta desde 1999. Geral almeida começou por parabenizar o Governo, que a seu ver cumpriu com a promessa feita enquanto esteve na oposição.

O valor de mais de duzentos milhoes de escudos, será pago imediatmente e no prazo de 30 dias o representante das familais deverá submeter à direção geral do património e da contratação pública uma cópia do mapa de partilha assinada por todos os interessados.

O ministro das finanças, Olavo Correia, que presidiu a assinatura, pediu desculpas às familias expropriadas e disse tratar-se de um acto simbólico, transparente e de reposição da justiça.
 
Disse o minsitro que mais vale tarde do que nunca e o sinal já foi dado. Duzentos milhões de escudos cabo-verdianos serão entregues imeiatamente para distribuição à 28 familias da ilha da Boavista que estão devidamente credenciadas com título de posse de terrenos expropriados das ZDTI. E agora, garantiu o ministro que vai-se trabalhar nos sentido de agilizar todo o processo para que todos possam receber as suas indemnizações.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar





Inquérito Online