Notícias

O primeiro Casino de Cabo Verde começa a funcionar em pleno a partir de hoje na ilha do Sal


Casino Royal
16 Mar 2017 Economia


Uma infraestrutura destinada a atividades de jogos e considerada uma referência, com padrão de qualidade.


Para a entrada em funcionamento, o Inspetor-Geral dos Jogos garante o cumprimento de todo o processo de fiscalização, bem como a montagem de um sistema para a cobrança dos impostos que vinham sendo arrecadados desde dezembro do ano passado.

O Casino Royal da ilha do Sal estava a funcionar, em regime experimental, desde Dezembro do ano passado. E nessa altura, explica o inspetor geral dos Jogos, José António Cardoso, foram feitas as fiscalizações necessárias, tendo sido montado um sistema, reforçado com a presença permanente de dois inspetores, para o controlo dos jogos.

Quanto às receitas, José Cardoso assegura que o controlo e a cobrança vão ser feitos, em tempo real a partir da Sede da Inspeção Geral dos Jogos, através do sistema informático desenvolvido para o efeito.

Sem avançar os números, afirma José Cardoso que o montante do imposto apurado superou as expectativas da inspeção geral e da concessionária. Daí considera o inspetor que esta é, sem dúvidas, uma boa fonte de receitas para o país.

O Inspetor Geral dos Jogos garante estarem criadas todas as condições para o funcionamento do Casino da ilha do Sal cujo período de concessão é de 25 anos, e sete de exclusividade. Uma infraestrutura, salienta José Cardoso, que garante toda a qualidade e segurança.

O primeiro casino de Cabo Verde começa a funcionar hoje e a inauguração está marcada para as 19 horas. Esta Casa de Jogos é um investimento que ronda os 50 mil contos e emprega cerca de 80 funcionários, sendo a maioria cabo-verdianos.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar






Publicidade