Notícias

Agricultores e Produtores do grogue de cana sacarina em Santo Antão discutem a atual situação na ilha


23 Abr 2017 Economia


Preocupados com a produção de grogue de má qualidade, os agricultores e produtores do Grogue da Cana Sacarina, em Santo Antão, reuniram-se, ontem, para criar uma Associação e defender os direitos dos produtores.


Os mesmos querem ver salvaguardado o nome deste produto, que consideram ser o único património de valor na ilha.

O encontro, para além de mostrar a indignação dos produtores de “boa-fé” visa também criar uma associação de agricultores e produtores para padronizar o nome do grogue de Santo Antão. Isto porque, segundo o mentor deste projeto Lenine Correia, é preciso fazer alguma coisa dado que já participaram em vários encontros, estão consciencializados do que está a acontecer neste momento e querem ver soluções perante este problema.

A má qualidade do grogue que está sendo produzido na ilha, fruto de más práticas de alguns, prejudica toda a sociedade, em todos os sectores. Os agricultores e produtores presentes no ato demostraram a sua revolta e pedem alguma intervenção das autoridades.

O vereador Dirseu Rocha em representação da Câmara Municipal da Ribeira Grande admite que a instituição tem sido parceira dos agricultores, tanto é que já tem uma equipa de fiscalização no terreno.
 
Devido à falta de mais agricultores e produtores na reunião foi apenas criada uma comissão de organização para que no dia 20 de Maio estejam prontas todas as condições para aprovar o Estatuto da Associação de Agricultores e Produtores de cana sacarina e derivados criado pelo também produtor Teodoro Monteiro a pedido do mentor Lenine Correia.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar






Publicidade