Notícias

Instituto Nacional de Estatística divulgou hoje o Inquérito de Conjuntura no Consumidor referente ao primeiro trimestre deste ano


10 Mai 2017 Economia


Os dados apontam que o indicador de confiança no consumidor continua positivo.


Isto quer dizer que o consumidor mantem-se esperançado e acredita que haverá melhorias na situação financeira das famílias, na economia e que haverá mais emprego no país nos próximos 12 meses.

Quanto à economia, os inquiridos disseram que tanto os preços de bens e serviços como o desemprego no país diminuíram em comparação ao primeiro trimestre do ano passado.
 
No indicador “poupança”, cerca de 82 porcento dos inquiridos consideraram que, com a situação económica actual do país, não será possível poupar dinheiro. Apenas 12% afirmaram ser possível poupar algum dinheiro atualmente.
 
E mais, 97% dos inquiridos afirmaram ter certeza absoluta que não tencionam comprar um carro nos próximos dois anos.

Sobre intenção de comprar ou construir uma casa nos próximos 2 anos, 87 porcento acredita que não terão condições de comprar, nem construir uma casa.
 
O Inquérito de Conjuntura no Consumidor é produzido trimestralmente e mostra a percepção do cidadão em relação às condições das famílias e do país.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar






Publicidade