Notícias

Leão Lopes lança “Baltasar: Um homem arquipélago na linha de todas as batalhas”


15 Jun 2017 Cultura


Este é o título do livro da autoria de Leão Lopes que, a partir de hoje, vai estar disponível no mercado literário.


A obra é fruto de uma tese de doutoramento e retrata a vida do escritor, poeta e linguista cabo-verdiano até aos anos 40.

Esta tese de doutoramento já vai na segunda edição e assinala os 110 anos do poeta e escritor que marcou a moderna literatura cabo-verdiana. O livro de Leão Lopes retrata, no dizer do professor e apresentador Manuel Brito Semedo, o percurso de Baltasar Lopes da Silva até 1940.

Para Brito Semedo o título do livro está à altura do ficcionista e uma das proeminentes figuras da literatura cabo-verdiana. “Baltasar: Um homem arquipélago na linha de todas as batalhas” significa para o apresentador um homem para além do tempo.

Esta mesma dimensão de Baltasar como homem arquipelágico é referenciada por Leão Lopes que diz ter tido a oportunidade de conhecer Cabo Verde.

Baltasar Lopes da Silva marcou a literatura cabo-verdiana e várias gerações de intelectuais. O autor de “Chiquinho” já tinha sido reconstituído por Leão Lopes, através do cinzel enquanto escultor, e é de novo retratado através da pena nesta obra que Brito Semedo diz dar gosto de ler.

“Baltasar: Um homem arquipélago na linha de todas as batalhas” resulta de uma tese de doutoramento. A primeira edição tinha sido lançada em 2011 e a segunda chega agora ao mercado literário, com a apresentação marcada para as 6 da tarde desta quinta-feira, na Livraria Pedro Cardoso, na cidade da Praia.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar





Inquérito Online