Notícias

Primeiro-ministro reage a manifestação marcada para 5 Julho no Mindelo


29 Jun 2017 Política

Estando marcada, para o dia 5 de Julho, uma manifestação que questiona o lugar da ilha de São Vicente no contexto do desenvolvimento nacional, em reação, o Primeiro-Ministro, que está de visita à ilha, diz que os cidadãos do país são livres para assumirem tais atitudes quando assim entenderem necessário..

A leitura que faz é que uma iniciativa do tipo, na presente conjuntura, não deverá ser interpretada como uma contestação ao seu governo.

Para Ulisses Correia e Silva a postura do actual executivo e do partido que o suporta vão no sentido contrário a concentração do poder. Por isso, entende que a manifestação de apoio a autonomia de S. Vicente, que deverá acontecer no dia da celebração da independência nacional, não visa atingir a governação desta legislatura.

O Primeiro-Ministro diz que a postura do governo do MpD de promoção da autonomia dos municípios está plasmada nas suas acções.

Como resposta às principais reivindicações dos que anseiam por um S. Vicente melhor, Ulisses Correia e Silva apresenta as linhas de força do seu governo para desenvolvimento da ilha. Projectos, que segundo Ulisses Correia e Silva provam o comprometimento do actual governo com o processo de desenvolvimento da ilha de São Vicente.


José Leite - RCV


reportagem RCV com jornalista José Pedro Santos


Relacionados

Comentários

Pesquisar






Publicidade