Notícias

Câmara do Sal rescinde contrato com a empresa de limpeza urbana Salimpa


Júlio Lopes - Presidente da Câmara Municipal do Sal
06 Ago 2017 Sociedade


A Câmara Municipal do Sal rescindiu contrato com a empresa de limpeza urbana Salimpa, alegando gestão danosa e deficiente serviço de recolha de lixo.


O Presidente da Câmara Municipal do Sal diz que perante o cenário caótico do lixo na ilha, a autarquia notificou a Salimpa por não estar a cumprir com o seu objeto principal.

Alegando falta de verbas para fazer os investimentos necessários, Júlio Lopes diz que a autarquia autorizou um empréstimo bancário. Mas ao pedir a informação financeira da tesouraria da empresa, o administrador-delegado, Rui Ramos, negou-se a fornece-lo. Situação que o edil considera inaceitável e que vai contra os princípios da transparência.

O Presidente Júlio Lopes socorre-se de documentos e números para provar a gestão danosa de Rui Ramos à frente da Salimpa.

A edilidade reassumiu o serviço de saneamento na ilha e Júlio Lopes garante que a autarquia vai tudo fazer para dar uma resposta eficiente à recolha de lixo, com a aquisição de mais dois camiões e promete encontrar soluções o mais rápido possível para a questão da deposição do lixo.


MCSA - RCV


Comentários

Pesquisar





Inquérito Online