Notícias

Tripulante ferido durante a acostagem do navio Inter-Ilhas no cais do Porto Novo perdeu a sua perna direita


07 Set 2017 Sociedade

O tripulante que ficou ferido , ontem, à tarde, durante a acostagem do navio Inter-Ilhas no cais do Porto Novo, “perdeu” o pé acidentado.

O imediato Carlos Lopes, no momento do acidente de trabalho, sofreu “uma amputação traumática do pé direito”, na sequência do impacto do cabo de amarra que terá arrebentado durante as manobras de acostagem do Inter-Ilhas no Porto Novo.

O paciente foi operado, ainda na tarde de ontem, no Hospital Baptista de Sousa, para onde foi transferido, depois de ter recebido os primeiros socorros na Delegacia de Saúde do Porto Novo.

O imediato Carlos Lopes, de 57 anos, chegou a São Vicente estável, “graças à qualidade da assistência médica que teve em Porto Novo”, mas, pela gravidade da lesão, “não foi possível evitar a amputação clínica”, diz a Directora Clínica do Hospital Baptista de Sousa, Djanira Sousa.


Reportagem RCV com jornalista José Leite


Comentários

Pesquisar






Publicidade