Cabo Verde gasta cerca de 6% do seu PIB com a sinistralidade rodoviária

14 de dezembro de 2022

A+ A-

Cabo Verde gasta cerca de 6% do seu PIB com a sinistralidade rodoviária no país. Os gastos têm a ver com o tratamento médico e medicamentosa, evacuações entre outros custos inerentes, sem falar da perda de vidas humanas.

Dados apresentados numa palestra que teve lugar esta tarde na cidade da Praia sobre custos da Sinistralidade Rodoviária em Cabo Verde em que participaram técnicos de várias instituições que lidam com o sector.

José Gonçalves Jr da Escola de Condução Prevenção Rodoviária, promotor da palestra, disse à Rádio de Cabo Verde que o propósito foi debater esta questão e chamar a atenção das autoridades sobre essa luta necessária.

Para José Gonçalves Jr esta palestra serviu como um desafio às autoridades competentes e não só no apoio nessa luta para reduzir a sinistralidades rodoviárias em Cabo Verde.

Esta atividade está enquadrada no âmbito das atividades do Dia Nacional da Segurança Rodoviária, que se assinala a 30 de novembro.