Caso de Feminicídio Assomada: continua a monte o assassino de Rosana Lopes

26 Março de 2024

A+ A-

O companheiro de Rosana Lopes que foi assassinada no fim de semana na zona de Gil Bispo, em Assomada continua a monte.

O seu companheiro, funcionário da Câmara Municipal de Santa Catarina de Santiago é  o principal suspeito da  morte desta jovem de 22 anos. Este crime de feminicidio abalou a cidade da Assomada levando o Presidente da República a dizer que os crimes contra as mulheres envergonham Cabo Verde e a presidente da Câmara Municipal de Santa Catarina pedir um basta na violência  contra meninas e  mulheres. 

Amanhã  pelas ruas da Assomada sai uma marcha apelando a uma  rejeição firme a todo o tipo de violência e preconceito contra as mulheres.

Pode Interessar

Videos que pode Interessar