Ministério da Educação reúne-se com os parceiros para a conclusão da candidatura aos fundos da Parceria Global para a Educação

16 Maio de 2024

A+ A-

O Ministério da Educação reuniu-se com os parceiros da educação nacionais e estrangeiros para a conclusão da candidatura aos fundos da parceria global para a educação. A prioridade será a reforma do pré-escolar para que ela seja acessível e obrigatória a todas as crianças.  A reunião serviu para delinear a estratégia de implementação e o Governo espera que até novembro tenha acesso às verbas. 

Um Fórum de reflexão para partilha de ideias e construção do próximo programa para a melhoria do ensino. A prioridade é investir no pré-escolar, com mais inclusão e mais qualidade, apostando desde de tenra idade no ensino das línguas. Conhecimentos básicos de aritmética e matemática. Para que Cabo Verde possa estar alinhado com outros sistemas de educação como os Estados  da OCEDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico).  O Governo quer que o pré escolar seja obrigatório. E que seja acessível e todos os cantos do país. 

Neste momento 86 % das crianças tem acesso ao pré escolar, mas a ideia é torna-lo universal e obrigatório e inclusivo.

Recentemente, a Parceria Global para a Educação aprovou o acesso de Cabo Verde a um financiamento da transformação do sistema, no montante de 5 milhões de dólares  para implementação deste  programa  para melhorar a inclusão e qualidade das aprendizagens da Educação Pré-escolar e do primeiro  Ciclo do Ensino Básico. Esta reunião serviu para delinear a estratégia de implementação e o Governo espera que até novembro tenha acesso as verbas .

Pode Interessar