Ministro da Educação diz que estudantes cabo-verdianos não precisam de ano propedêutico nas universidades portuguesas

16 Maio de 2024

A+ A-

Um  estudo encomendado pelo Ministério da Educação de Portugal  recomendou a  implementação  de um ano  preparativo para os alunos oriundos  dos PALOP  nas universidades portuguesas.

Alguns alunos  dos PALOP têm dificuldades em acompanhar as matérias, dificuldades  em expressão  portuguesa.  Ainda não há uma decisão oficial por parte de Portugal sobre este ano propedêutico, nem o Governo de Cabo Verde foi contatado. O Ministro da Educação não olha para esta sugestão  numa perspetiva negativa mas diz que é um incentivo para uma melhoria no sistema nacional de educação.

[VER VÍDEO] Secretária de Estado do Ensino Superior vê no semestre zero nas universidades portuguesas, uma oportunidade de reforço de conhecimento

Pode Interessar

Videos que pode Interessar

Audios que pode Interessar