Palmeira na final da Taça de Cabo Verde com Guarda-redes Djão em grande nível (novamente)

02 Julho de 2024

A+ A-

A Palmeira está na final da Taça de Cabo Verde. O conjunto verde e branco da ilha do Sal eliminou, esta terça-feira, a Académica da Praia nas grandes penalidades após empate sem golos nos 90 minutos.
Enviaste
Foi um duelo muito disputado, mas sem grandes oportunidades para ambos os lados.
A Académica entrou mais forte querendo empurrar a equipa da casa. Entretanto, os salenses reagiram rapidamente e tiveram aproximações à baliza guardada por Petit. 

Na segunda parte, manteve-se a intensa disputa, mas continuavam a escassear as oportunidades de golo. Já na ponta final, Marcinho surgiu isolado e na cara de Djão, permitiu a defesa ao guarda-redes da Palmeira. 

Djão tinha guardado tudo para a parte final. O jogo foi para a grandes penalidades e aí brilhou o melhor guarda-redes campeonato nacional do ano passado. 

O guarda-redes natural de São Nicolau defendeu três grandes penalidades, oferecendo, deste modo, o apuramento à sua equipa. 

Djão, recorde-se, já tinha brilhado na final do campeonato nacional de futebol da época passada quando defendeu dois pontapés a partir da marca dos 11 metros acabando por ser decisivo na conquista do título para a Palmeira. Seria, aliás, eleito, melhor Guarda-redes da competição. 

A final da Taça de cabo Verde está marcada para a próxima sexta-feira, 05 julho, a partir das 15h30 no Estádio Marcelo Leitão. Será uma final inédita entre Palmeira e Mindelense. Os encarnados de São Vicente garantiram, também esta terça-feira, a passagem à final após derrotarem Paulense por 2-0. 

O Mindelense procura a sua segunda Taça de Cabo Verde (vencera a 1ª edição em 1982). Já a Palmeira, que também vai para a sua segunda final, irá tentar o troféu pela primeira vez. Em 2019 perdera a taça para o Santo Crucifixo de Santo Antão Norte.

Pode Interessar

Programação

Mais Acedidos

Últimos Vídeos

Últimos Áudios

Videos que pode Interessar