Projeto de cadastro predial em Santiago, orçado em 3 milhões 750 mil dólares, inicia em março

25 Janeiro de 2024

A+ A-

A presidente do Instituto Nacional de Gestão do Território assina mais dois protocolos que visam a execução do cadastro predial, com os municípios de São Miguel e o de Santa Cruz. Ilce Amarante esclarece que o objetivo é dar início em Março em toda a ilha de Santiago.

No que respeita às ilhas do Fogo, São Nicolau, Brava e Santo Antão o processo ainda nem sequer está na fase de pré-cadastro.

A empresa que executa o projeto na ilha de Santiago é a mesma, um consórcio de Israel e de África do Sul com experiência em Moçambique.

Ilce Amarante defende que a equipa de coordenação deve ter satélites em todos os municípios.

A equipa de apoio técnico passa a incluir a Direção Geral de Agricultura e Silvicultura.

A execução do projeto de cadastro predial em Santiago envolve mais de cento e dez técnicos, o financiamento do Banco Mundial é de 3 milhões 750 mil dólares. 

Ouça, em baixo, a noticia completa com declarações de Ilce Amarante, presidente do Instituto Nacional de Gestão do Território

Pode Interessar

Videos que pode Interessar