"Turismo sustentável", paisagens-alimentares” e “serviços de ecossistemas, apresentados no II Encontro da Rede de Reservas da Biosfera da CPLP

13 Março de 2024

A+ A-

A Rede de Reservas da Biosfera Unesco da CPLP, promoveu na tarde desta terça-feira, uma ação de capacitação de iniciativas piloto, que contempla três grandes roteiros, nomeadamente o “turismo sustentável”, paisagens-alimentares” e “serviços de ecossistemas.

Esta atividade enquadra-se no âmbito do II Encontro da Rede da Biosfera, que decorre até sexta-feira, na ilha do Fogo.

O período da tarde foi destinado a uma ação de capacitação de iniciativas piloto, que contempla três grandes roteiros, nomeadamente o “turismo sustentável”, paisagens-alimentares” e “serviços de ecossistemas”.

Foi uma tarde rica considerou Joana Dias do Secretariado Executivo da Rede, sobretudo ao entusiasmo das reservas da biosfera relativamente a estas temáticas. E o que se observou conforme Joana Dias, é que todas elas incluem a Reserva da Biosfera do Fogo.

 “Paisagens-alimentares” apresentada por Francisco Sarmento coloca no centro do processo de preservação dinâmica da reserva, o património e a cultura alimentares tradicionais e populares do território ocupado para a reserva.

O roteiro “turismo sustentável” para as Reservas da Biosfera da CPLP resulta segundo a consultora Cristina Abreu, de um trabalho de transferência de conhecimento de uma iniciativa, que teve lugar entre 2020 e 2023 em Portugal, com as 12 Reservas da Biosfera portuguesa.

Pretende-se olhar segundo José Cassandra, outro consultor da CPLP, para as reservas de três países: Cabo Verde, com as reservas de Fogo e Maio, Guiné-Bissau com as de Bolanha e Bijagós e Bolama de São Tomé e Príncipe.

Esta quarta-feira, o dia é dedicado a visitas de terreno. O Pico do Fogo é um dos pontos a ser visitado.

Pode Interessar

Videos que pode Interessar