Tenistas da cidade da Praia insatisfeitos com solução encontrada pela Câmara Municipal da Praia

24 de novembro de 2022

A+ A-

Já se passaram oito meses desde que foram demolidos os courts de ténis da Várzea. Durante todo esse tempo, os tenistas da cidade da Praia têm as suas raquetes penduradas porque ficaram sem qualquer campo para poderem jogar.

Edilson Silva tem 18 anos e joga ténis desde os 4. Se antes estava sempre de raquetes na mão, agora só se lembra delas para limpar-lhes o pó.

Outro tenista, Jariel Cabral, começou a jogar ao 9 anos, agora tem 13.  Estava a construir muitos sonhos quando viu tudo a desmoronar-se com a demolição dos campos da Várzea. 

É com tristeza no olhar que Jariel e Edilson recordam os dias em que passavam horas a jogar com colegas no campo que ficava no bairro onde moram.

Há duas semanas, no dia 8 de novembro, o presidente da Camara Municipal da Praia anunciou uma solução para os tenistas da cidade, sobretudo os mais jovens, voltaram a jogar ténis.  O edil Francisco Carvalho falou num acordo com a Associasção Black Panthers para a utilização da placa desportiva da Varzea.

Ao contrário daquilo que se podia pensar, o anúncio do autarca da Praia não agradou os tenistas.
Hélder Teixeira, um veterano do ténis e formador da modalidade não aprova esta solução e diz mesmo que ela é descabida. Hélder não poupa nas palavras e diz mesmo que a Câmara Municipal da Praia vai desperdiçar dinheiro ao querer fazer um campo de ténis no Polivalente da Várzea.

A posição de Hélder Teixeira é assumida também por Gilson. Atualmente um dos tenistas mais talentosos da cidade da Praia. 
Gilson tem 25 anos, já foi várias vezes campeão regional. Conta também com cinco títulos nacionais. A demolição dos campos de ténis da Várzea, em abril deste ano, deixou os jogadores de mãos a abanar, uma situação que já dura oito meses. 

Recentemente, o presidente da Câmara Municipal da Praia anunciou que num espaço de 15 dias os jogadores já teriam uma alternativa provisória na Placa Desportiva da Várzea. Certo é que se completaram as duas semanas, ainda o campo não está pronto  e mesmo que venha a ficar, parece que a solução, ainda que transitória, está longe de agradar os jogadores.

Artigos Relacionados