Rosa de Porcelana Editora reedita obras publicadas e prepara a 4ª edição do Festival Literatura Mundo do Sal

07 de janeiro de 2021

A+ A-

 

Apesar de um ano atípico, só no ano passado, a Rosa de Porcelana Editora publicou 10 livros de autores cabo-verdianos, moçambicanos, portugueses e polacos, obras ainda desconhecidas pelo grande público, mas que, conforme afiança a editora responsável, Márcia Souto, serão divulgadas este ano.

 

A pandemia tem reflexos em todos os ramos de atividade e em todo o mundo, também nas editoras que, agora, tentam recuperar.

Para a edição deste ano, a editora apresenta um conjunto de obras publicadas no ano passado, mas insuficientemente divulgadas. É o caso em destaque das obras a serem exibidas, da versão portuguesa do livro Cesária Évora, da autoria da polaca Elzbieta Sieradzińska, dado à estampa em 2015, em polaco.

A biografia de Cesária Évora é apresentada na próxima semana em Cabo Verde.

Rosa de Porcelana Editora que é, também, organizadora do “Festival de Literatura Mundo do Sal” já está a trabalhar na edição deste ano, a quarta, como garante Filinto Elísio, um dos responsáveis da editora.

Para 2021 está em forja a edição de obras dos autores cabo-verdianos, como o ex-combatente da liberdade da pátria, Osvaldo Lopes da Silva, o prémio Camões Arménio Vieira, ex-Ministro do Ensino Superior, Ciências e Inovação, historiador e investigador, António Correia e Silva, ex-Primeiro Ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, deputado Francisco Pereira, entre outros autores nacionais e internacionais.

 

Nany Vaz - RCV

Disponibilizado online pela Multimédia RTC

Peça na íntegra, pela jornalista Nany Vaz


Artigos Relacionados