Procuradoria Geral da República abre investigação a nomeação do ex Cônsul Honorário de Cabo Verde na Flórida

30 de abril de 2021

A+ A-

A Procuradoria Geral da República anunciou a abertura de uma investigação sobre alegados benefícios patrimonial decorrente da nomeação do Cônsul Honorário de Cabo Verde na Flórida, Estados Unidos da América.

Para a Procuradoria Geral, em causa estão factos susceptíveis de, e citamos, “integrarem, por ora, a prática do crime de corrupção, previsto e punido pela legislação penal cabo-verdiana”, fim de citação.

O comunicado da PGR diz que, decidiu avançar com a investigação em prol dos princípios da transparência e da publicidade, visando assegurar a prestação de esclarecimento público e o dever de informação. O Comunicado termina dizendo que, finda a investigação, que corre nos termos no Departamento Central de Ação Penal da Procuradoria-Geral da República, será tornado público o sentido do despacho de encerramento da instrução, que decorre em segredo de justiça.