Presidente da Aliança Global das Vacinações aponta problemas de produção e distribuição como maiores dificuldades

10 de maio de 2021

Durão Barroso
A+ A-

Em entrevista à TCV , o presidente da Aliança Global das Vacinações, Durão Barroso, disse que a vacinação contra covid-19 é agora um desafio e uma emergencia global. José Manuel Durão Barroso defende uma maior solidariedade dos países ricos na partilha das vacinas, apelando a uma maior justiça na produção e distribuição das vacinas anti-covid para todos os países.

Cabo Verde é desses paises que enfrentam dificuldades de acesso às vacinas contra a Covid-19. Um facto relevante aconteceu nesta semana com os Estados Unidos da América a decidirem pelo levantamento das patentes de vacinas contra a Covid-19. Trata-se de uma medida positiva no sentido de que possa haver uma distribuição mais equitativa das vacinas contra a Covid-19 no mundo, mas o presidente mostra-se cético com impactos de curto prazo, identificando outros problemas operacionais, para além da questão das patentes.

O certo, porém, é que tem-se verificado um certo açambarcamento dos imunizantes por parte dos países ricos, fazendo tábua raza daquilo que deveria ser uma solidariedade global para enfrentar uma pandemia que afeta a todos sem distinção. É preciso ação efetiva por parte dos países ricos.

Cabo Verde é um dos muitos países com menos posses que também está engajado na iniciativa gobal, chamada COVAX, mas o acesso às vacinas contra Covid-19 tem sido bastante dificil.

Outro problema adicional é que a India, sendo o maior produtor mundial das vacinas, bloqueou a exportação de vacinas porque atravessa a fase mais dificil no combate a pandemia no mundo atualmente. Mas a esperança é que a situação de falta de vacinas seja resolvido no segundo semestre. Quanto á meta de Cabo Verde vacinar 70% da população ate ao final do ano.