União Europeia reforça parceria com Cabo Verde, mais um marco nas relações entre as duas partes

10 de maio de 2021

Sofia Moreira de Sousa, Embaixadora da União Europeia em Cabo Verde
A+ A-

Assinalou-se este domingo, 9 de Maio, o dia da Europa, comunidade com a qual Cabo Verde, tem fortes laços de cooperação desde a independência. Uma cooperação que saiu mais reforçada a partir de 2007, com a assinatura da Parceria Especial entre a União Europeia e Cabo Verde. Destaque, igualmente, para o acordo de facilitação de vistos assinado este ano, entre o Governo e a União Europeia.

Comemora-se neste domingo o dia da Europa. A 9 de Maio de 1950, foram lançadas as bases de uma Europa unida, na celebre declaração de Robert Shuman - politico francês, que propos uma nova forma de cooperação, atraves da criação da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço. Este marco simbolico foi lembrado hoje pela Embaixadora da União Europeia em Cabo Verde. Sofia Moreira de Sousa, que realça os principios da União e Solidariedade defendidos por Schuman, como condições sine-qua-non para se alcançar a paz e prosperidade. É com esta mesma filosofia que a Europa vem construindo a sua relação com o mundo e com Cabo Verde em particular.

Cabo Verde e Europa têm sido parceiros de longa data, mas a partir de 2007, a assinatura do acordo de parceria especial trouxe nova dinamica à cooperação. Hoje, nem mesmo a crise provocada pela pandemia da Covid 19, condicionou am agenda de cooperação entre Bruxelas e Praia. 

A Europa tem-se engajado a ajudar o Governo de Cabo Verde a enfrentar os efeitos socio-economicos da pandemia e a perspectiva é continuar a apoiar o país na definição de novas metas.

O dossier mobilidade - um dos importantes pilares da parce ria especial - continua em cima da mesa. A embaixadora aponta por agora o acordo de facilitação de vistos. A redução da taxa de visto é um dos beneficios deste acordo de facilitação de vistos.

Redução do número de documentos exigidos no processo de pedido de vistos é um outro beneficio deste acordo, realça a embaixadora. Tudo como forma de facilitar a mobilidade de pessoas entre Cabo Verde e Europa.