Cabo Verde e Portugal preparam dossiê de candidatura do Campo de Concentração do Tarrafal à Património Mundial

10 de junho de 2021

Campo de Concentração do Tarrafal
A+ A-

A configuração do corpo técnico/científico para trabalhar no processo de elaboração do dossiê de candidatura do Campo de Concentração do Tarrafal de Santiago a Património Mundial e, ainda, regular o financiamento do referido dossiê é o que pretendem os ministérios da cultura de Cabo Verde e Portugal com a assinatura de um memorando de entendimento, agendada para o próximo dia 5 de julho, em Cabo Verde. Considerações feitas pelo Ministro da Cultura e das Industrias Criativas cabo-verdiano, Abraão Vicente que se encontra de visita a Portugal.

Na perspetiva de dar seguimento aos projetos conjuntos e no quadro de cooperação entre Cabo Verde e Portugal, esse memorando de entendimento a ser assinado visa conforme o Ministro da Cultura e das Industrias Criativas reunir condições para que se submeta a candidatura do Campo de Concentração do Tarrafal de Santiago a Património Mundial.

Uma memória coletiva cuja preparação da sua candidatura tem despertado o interesse de outros países da CPLP,afiança Abraão Vicente.

Técnicos do Instituto do Património Cultural, IPC e de Portugal devem trabalhar em conjunto no dossiê de candidatura do Campo de Concentração do Tarrafal de Santiago a Património Mundial. A assinatura do memorando de entendimento para o efeito deve acontecer no dia 5 de julho, dia em que Cabo Verde assinala mais um aniversário a sua independência.



Artigos Relacionados