Beach Volley: Cabo Verde enfrenta Marrocos no “mata-mata”

25 de junho de 2021

A+ A-

Agora é tudo ou nada. As duplas cabo-verdianas de voleibol de praia enfrentam hoje Marrocos na fase do mata mata da Taça Africana. Que vencer, continua na competição, quem perder fica arrumada.
 
A dupla Janice e Ludmila Varela é a primeira a entrar em ação. O jogo deve estar a começar neste preciso momento, tinha início marcado para as 10 horas de Marrocos, 08h00 de Cabo Verde.
 
Logo depois, às 08h45, é a vez da dupla Marly Lima e Zina Gomes ir a jogo para medir forças com mais uma dupla marroquina.
 
Na entevisão dos duelos de hoje, o treinador Rui Fortuna, ouvido pela Rádio de Cabo Verde, disse que as marroquinas não são super-atletas. Por isso, acredita que a equipa nacional tem condições de ganhar e continuar na prova.
 
Cabo Verde ainda não ganhou qualquer jogo. Fez dois contra o Quénia. As duas duplas perderam cada uma um set, ganharam outro. No desempate, foram derrotadas.
 
Ontem, contra a Nigéria, aconteceu exatamente a mesma coisa. Depois de dois empates, as duplas cabo-verdianas claudicaram na negra e voltaram a perder por 2-1.
 
O treinador Rui Fortuna fala de uma inconsistência.
 
Ontem, depois do empate no segundo jogo com a Nigéria, o treinador decidiu trocar as duplas para o tie break. Rui Fortuna jogou com Zina Gomes e Ludmila Varela, mesmo assim as coisas não resultaram.
 
Esta manhã é o tudo ou nada com Marrocos. O sonho de conseguir uma qualificação para Tóquio continua intacto
 
Rui Fortuna, o treinador das duplas cabo-verdianas de voleibol de praia que disputam a Taça de África. Neste momento já joga a dupla Janice e Ludmila Varela. Assim que este duelo acabar, começa novo jogo, agora com a dupla Marly Lima e Fauzina Gomes.



Artigos Relacionados