Estados Unidos doam 100 mil doses de vacinas da Moderna no âmbito do mecainismo COVAX

04 de outubro de 2021

A+ A-

Cabo Verde recebe dos Estados Unidos da América 100 mil doses da vacina da Moderna contra a covid-19. A encarregada de negócios dos Estados Unidos da América em Cabo Verde, anunciou a chegada nas próximas semanas de mais 200 mil doses da vacina Pfizer. 

Os governantes não apresentam ato de entrega, Arlindo do Rosário e Figueiredo Soares, destacaram uma importante contribuição dessas vacinas para Cabo Verde alcançar a meta de imunizar 85% da população.

O Governo de Cabo Verde quer imunizar 85% da população. A meta esta alcançável porque A até agora já comprou dos vários parceiros mais de 615 mil e 50 doses de vacinas. 

E agora acaba chegar dos Estados Unidos da América mais 100 mil doses de vacinas da Moderna através do mecanismo COVAX.

A entrega oficial foi feita pela encarregada dos negócios dos EUA em Cabo Verde, Amanda Porter que na ocasião agradeceu a presença dos governantes Figueiredo Soares e Arlindo do Rosário em representação do Governo e manifestou a sua alegria no reforço de uma parceria que segundo diz muito honra os Estados Unidos da América.

Amanda Porter disse que os Estados Unidos da América continuam a doar mais vacinas e prometem ainda doar mais 200 mil vacinas da Pfizer a Cabo Verde nas próximas semanas
O Ministro do Negócio Estrangeiro Rui Figueiredo Soares em nome do Governo agradeceu os Estados Unidos pela importante contribuição que segundo diz vai ajudar Cabo Verde a se libertar do flagelo da Covid-19.

Segundo Rui Figueiredo do Soares o desafio é grande e Cabo Verde não tem poupado esforços junto dos parceiros para ter vacinas e por isso apela população particularmente das ilhas onde uma taxa de vacinação ainda é relativamente baixa, para se vacinarem para que Cabo Verde consiga imunizar 85 % E com o objetivo de salvar a vida dos Estados Unidos já financiar grande parte da COVAX e com um investimento de 2 milhões de dólares e comprometer-se a estar engajado na luta contra um Covid-19.

Na entrega oficial presentes para além do Ministro da Saúde, os representantes da OMS, da UNICEF e da Direcção Geral da Saúde.

A mensagem que fica é de que todos em idade elegível devem vacinar para o bem do país.



Artigos Relacionados