Profissionais da saúde preparam-se para contribuirem para redução de cesarianas

19 de outubro de 2021

A+ A-

Diminuir as cesarianas, a mortalidade materna e neo-natal e melhorar os cuidados de saúde são as principais metas de uma formação em Reanimação Fetal realizada a partir de hoje (19) e durante quatro dias, pelo Ministério da Saúde em parceria com a OMS. 

A ação em que participam treze médicos e doze enfermeiros, também tem como objetivo atualizar o Partograma, instrumento utilizado no seguimento do trabalho de parto que Cabo Verde quer adaptar e implementar, segundo a Diretora do Programa Nacional da Saúde Sexual e Reprodutiva.

Vaneusa Rodrigues explica que com o Partograma e a formação em reanimação fetal,vai ser possível corrigir lacunas e melhorar a qualidade da saúde materna e neo natal. No Arquipélago, noventa e oito por cento dos partos são institucionais.

 

RTC Online, com RCV (Herman Alfredo)

Disponibilizdo Online por: Marcos Fonseca



Artigos Relacionados