TACV: Sindicato do Pessoal Navegante de Cabine está satisfeito com o início das operações

29 de dezembro de 2021

A+ A-

O Plano de Retoma e Estabilização horizonte 2023 é o principal ponto na agenda da Assembleia Geral da TACV que se reúne hoje na cidade da Praia.

O Sindicato do Pessoal Navegante de Cabine está satisfeito com o início das operações, mas, agora, quer conhecer os planos do Conselho de Administração para a atualização da formação da tripulação depois de 19 meses em Layoff. Carla da Veiga, presidente do sindicato, confessa em entrevista à RCV, que a maior alegria é ver a Cabo Verde Airlines a voar e com tripulação própria.

O desejo do sindicato do pessoal navegante é o de ver a companhia a operar com a sua própria tripulação. Mas, por ora, diz Carla da Veiga, dá satisfação ver a TACV Cabo Verde Airlines a retomar os voos.

Os tripulantes estão satisfeitos, expectantes e à espera de um plano de formação por parte da empresa para, também, começarem a voar. Sabe, no entanto, o sindicato que o processo é moroso. 

O Sindicato do Pessoal Navegante da TACV Cabo Verde Airlines espera, por outro lado, que a companhia tenha ponderação na tomada de algumas decisões para que haja estabilidade, salienta Carla da Veiga, na retoma dos voos, na vida da empresa e na da tripulação que há meses sofre com a paralisação dos voos. 

Em layoff, ou seja, em casa e sem trabalhar, estão 57 tripulantes de cabine da TACV Cabo Verde Airlines. Trabalhadores que, conforme expressou a presidente do Sindicato do Pessoal Navegante, estão expectantes com a retoma dos voos. 



Programação

Ainda esta Semana

Últimos Vídeos

Últimos Áudios

Artigos Relacionados