Presidente da Assembleia Nacional destaca ganhos e desafios dos 31 anos da nossa democracia e coloca enfoque na liberdade de imprensa

13 de janeiro de 2022

Austelino Correia, Presidente da Assembleia Nacional
A+ A-

No discurso de abertura da sessão solene do 13 de janeiro, Austelino Correia, Presidente da Assembleia Nacional começou por dizer que é preciso hoje se esquecer as sensibilidades de opinião e reforçar o sentimento de pertença a cabo-verdianidade.

Austelino Correia destacou os ganhos alcançados ao longo dos 31 anos de democracia e reconheceu desafios no campo da desigualdades, mas admitindo por outro lado que o cabo-verdiano tem hoje mais qualidade de vida.

O dia de hoje é de júbilo mas também de reflexão sobre o significados dos valores da democracia , disse o Presidente da Assembleia que destacou ameaças e caminhos, centrando um pouco na liberdade imprensa no mundo.

O Presidente da Assembleia focou também nas futuras mudanças e citou o processo de reforma para introdução demais dinâmica para dignificação de um Parlamento mais transparente e justo.

Austelino promete agendar e discutir o novo estatuto dos cargos politico e centrar  olhar atento sobre o país e ajuizar sobre eventuais alterações e revistar o código eleitoral, decidir ajustes que melhorem o processo eleitoral com enfoque para a implementação da votação.