José Cabral vence prémio de literatura Arnaldo França

18 de janeiro de 2022

A+ A-

O escritor José Joaquim Cabral venceu, por unanimidade, a 4ª Edição do Prémio Literário Arnaldo França, com o romance "Destino Aziago".

Informação foi avançada hoje (18) pela Imprensa Nacional - Casa da Moeda de Portugal, co-atribuidora do premio que é dirigido a cabo-verdianos a residir em Cabo Verde ou no estrangeiros ou residentes no Arquipélago, há mais de cinco anos.

O júri, presidido por Manuel Brito-Semedo, destacou que “Destino Aziago” é uma obra “que reflecte sobre o tema incontornável da diáspora cabo-verdiana, com uma abordagem assinalável na construção sólida das personagens, no desenho emotivo da paisagem e na referência à história, cultura, tradições e dinâmica da sociedade cabo-verdiana, sobretudo são-nicolauense”.

Ainda, para os jurados, a obra possibilita aos leitores a oportunidade de ter acesso a uma trilogia que encerra o ciclo iniciado por uma obra basilar da Literatura Cabo-Verdiana ‘Chiquinho’, de Baltasar Lopes.

Selecionado entre 14 candidaturas, o autor de "Destino Aziago" vai receber cinco mil euros e “deverá ver o seu trabalho publicado ainda este ano, com a chancela das duas editoras públicas: Imprensa Nacional, de Lisboa e de Cabo Verde.

 

RTC Online, com TCV

Artigos Relacionados