Fui corajoso por continuar o trabalho de Baltazar Lopes da Silva, diz vencedor de prémio

20 de janeiro de 2022

A+ A-

O romancista José Joaquim Cabral, disse a TCV que foi corajoso e irresponsável em dar continuidade ao trabalho, que Baltazar Lopes da Silva não conseguiu finalizar. Autor do livro "Destino Aziago", o escritor  José Joaquim Cabral venceu o Prémio Literário Arnaldo França, atribuído pela Imprensa Nacional-Casa da Moeda de Portugal, com a Imprensa Nacional de Cabo Verde.

Artigos Relacionados